para todos os que acreditam na poesia

às vezes somos como as abelhas, só sabemos beijar flores e fazer mel, por isso deixamos de dizer por onde andamos, porque o poema tal como o amor, é um segredo que só o coração não sabe guardar.
João Rios, Tiago Pereira, Paulo Lemos e José Peixoto, abraçam o Colectivo Silêncio da Gaveta e todos os que acreditam na poesia.

Anúncios

One comment

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s